1. A história Divino Fuxico começou na infância da artesã Eliette Botelho, quando ela deu as primeiras agulhadas em bordados, mas guardou durante anos e anos uma paixão grandiosa pelos fuxicos. Bastou a primeira ocasião para o amor se transformar em trabalho primoroso.

    Há cerca de dois anos a elaboração de simples mandalas evoluiu para quadros, estandartes, lembranças para porta de quartos de bebê e quantas outras invenções surgirem ou foram propostas.
    Outra novidade boa é que a filhota da Eliette, a carismática Clarissa Botelho, começou ajudando a mãe e hoje é uma exímia artesã, cria peças formidáveis.

    O ateliê Divino Fuxico é bem equipado, mas funciona na própria residência da Eliette. Há quatro meses a marca ganhou espaço dentro do Armazém da Creuza, no Espaço Magnólia, onde é realizada a Feirinha da 24. Então além de fazer encomendas direto para as artesãs, é possível encontrar peças a pronta entrega no Armazém. E nos dias de eventos no Espaço Magnólia a clientela tem o prazer de ser atendida pelas duas artesãs divinas.

    A simbiose entre a marca e o Armazém é perfeita, por isso a loja agora já tem apelido: "Divino Armazém".

    Outras informações sobre o Divino Fuxico pelo whatss 65 9994.2838 ou pela página Divino Fuxico no facebook e perfil no instagram.
















    |


  2. 0 comentários:

    Postar um comentário